Fale Conosco

62 3220-9500

Tags:, , , ,

Tutores escolares passam por formação para acompanhar novas metas da educação goiana em 2020

educacao
11 de fevereiro de 2020

Objetivo da formação é alinhar a atuação de tutores e assessores pedagógicos às novas metas para o Ensino Médio

Em mais uma ação conjunta, a Secretaria do Estado da Educação (Seduc) e o Instituto Unibanco reúnem, em Goiânia, tutores educacionais e assessores pedagógicos. O encontro é uma das ações promovidas pelo projeto Jovem de Futuro, que busca melhorar o aprendizado e reduzir as desigualdades educacionais entre as unidades escolares de Goiás. 

O objetivo da formação é alinhar a atuação de tutores e assessores pedagógicos às novas metas para as avaliações do Ensino Médio, lançadas na última quinta-feira (06/02) durante a Reunião de Gestão Integrada para a Pactuação de Metas do Programa Jovem de Futuro 2020.

Na abertura da capacitação, que segue até a próxima sexta-feira (14/02), estiveram presentes a superintendente de Organização e Atendimento Educacional, Patrícia Morais Coutinho; a superintendente de Ensino Médio, Osvany Cardoso; e a superintendente do Centro de Estudos, Pesquisa e Formação dos Profissionais de Educação, Rita de Cássia Ferreira, além da equipe do Instituto Unibanco.

Atuação nas escolas

“Um trabalho essencial para as políticas públicas”, afirmou a superintendente Rita de Cássia Ferreira sobre a importância da atuação dos tutores educacionais. Para ela, o trabalho desses profissionais na mediação entre o planejamento e as escolas é o que permite a criação de “uma rede madura, que transforma os resultados em políticas públicas eficientes”.

Em sua fala, a superintendente Patrícia Morais, também destacou a relevância da atuação dos tutores junto às escolas. Para ela, esses profissionais são “influenciadores positivos do trabalho do gestor”, atuando na ponta para garantir a permanência dos alunos e gerar o aprendizado.

Patrícia Morais, que já integrou a equipe do Instituto Unibanco, aproveitou ainda para ressaltar a importância do encontro enquanto uma oportunidade para os tutores educacionais se apropriarem do conteúdo antes de iniciarem os trabalhos do circuito de gestão. A expectativa da superintendente é que, ao fim do evento, esses profissionais saiam “embriagados de conhecimento e repletos de vontade de fazer o melhor pela educação”.

Reconhecimento

Outro destaque foi para a metodologia adotada no encontro, que promove, a partir da parceria com o Instituto Unibanco, a revisão dos protocolos do programa Jovem de Futuro e a interação com o novo sistema de dados. Para a superintendente do Ensino Médio, Osvany Cardoso, conteúdos como esses são essenciais para que os tutores educacionais possam atuar no direcionamento pedagógico em suas respectivas escolas.