Fale Conosco

62 32016727

Tags:, ,

Transmissão do 7 setembro Virtual realizado pela Seduc foi um sucesso. Alunos e professores mostraram rapida adaptação

cidadania
10 de setembro de 2020

A Secretaria de Estado da Educação conta com 160 Bandas e Fanfarras ativas, formadas por professores e alunos em 32 Coordenadorias Regionais de Educação por todo o Estado de Goiás, sob a coordenação da Gerência de Arte e Educação

Parafraseando a Secretária de Estado da Educação Fátima Gaviolli, “em Goiás temos desfile de 7 de setembro, sim senhor!!!” A solenidade do Desfile Cívico presencial foi cancelada devido às restrições sociais impostas pela pandemia da covid-19, no entanto, a Seduc reuniu uma série de vídeos de desfiles das bandas e fanfarras das unidades escolares da rede estadual de ensino, e criou uma linda homenagem virtual em comemoração à Independência do Brasil.

A história conta que a origem das Bandas e Fanfarras aqui no nosso Estado, se deu há muito tempo, em 1882, pra ser mais específico. Tudo aconteceu no Colégio Lyceu de Goiás, que ficava localizado na antiga capital do estado, na cidade de Goiás, quando houve a aprovação de um plano de ensino que incorporou duas aulas de música por semana. Foi aí que tudo começou!
Hoje, a Secretaria de Estado da Educação conta com 160 Bandas e Fanfarras ativas, formadas por professores e alunos em 32 Coordenadorias Regionais de Educação por todo o Estado de Goiás, sob a coordenação da Gerência de Arte e Educação. Além das 160 Bandas e Fanfarras ativas, temos outas 26 inativas.

A Transmissão do evento aconteceu na plataforma youtube da Seduc Goiás e foi dividida em dois momentos: o Desfile Cívico Virtual aconteceu às 9h e contou com mais de 18 mil visualizações em tempo real, e às 18h ocorreu o Concerto Virtual de Professores e Alunos, que contou com mais de oitocentas pessoas ao vivo. Se você não pôde acompanhar, basta acessar nosso youtube aqui. Nosso principal objetivo é incentivar a cultura das bandas escolares, compostas por repertório musical e coreográfico para os estudantes da rede estadual de ensino.

Esta importante ação, ao colocar em evidência as experiências musicais e coreográficas realizadas nas unidades escolares que possuem bandas/fanfarras, corroboram para o registro das atividades relacionadas ao ensino da música e da dança, uma vez que o desfile virtual ficou registrado no ciberespaço. E, ainda, contribuem para a manutenção da tradição das bandas por meio desse resgate de memória, ampliando, assim, a possibilidade de estudantes interagirem com trabalhos desenvolvidos em todo o estado, além de valorizar o patriotismo brasileiro.