Fale Conosco

62 32014050

Tags:, , , , ,

Servidores da Seduc participam de ato de conscientização dentro da campanha Setembro Amarelo

educacao
11 de setembro de 2019

Ação foi realizada no início do expediente desta quarta-feira e contou com as presenças da secretária Fátima Gavioli, gerentes e superintendentes

A secretária Fátima Gavioli se uniu aos gerentes, superintendentes e servidores administrativos da Secretaria de Educação do Estado de Goiás (Seduc) na manhã desta quarta-feira (11/9) para participar de um ato de conscientização dentro da programação da campanha Setembro Amarelo.

Vestidos com blusas, camisas e camisetas na cor amarela, os servidores formaram um grande coração bem na entrada principal da Seduc Goiás. O ato foi marcado por muita emoção e, ao final, todos se uniram para cantar a música ‘É Preciso Saber Viver’, um dos grandes sucessos dos Titãs.

O ato integra as atividades da Semana de Valorização da Vida, coordenada pela Superintendência de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (SGDP) por meio da Gerência de Segurança e Saúde do Servidor.

Emocionada, a secretária estadual de Educação agradeceu o apoio que tem recebido de todos os servidores e pediu o empenho de cada um no sentido de estar alerta à “dor do próximo”. “Todos nós temos condições de ajudar aquele que, por um ou outro motivo, pode não estar bem”, destacou.

Na Seduc Goiás, a Semana de Valorização da Vida está sendo realizada desde o dia 2 de setembro, quando a programação foi oficialmente aberta pela secretária Fátima Gavioli. Entre os dias 9 e 13 estarão sendo promovidas diversas ações e atividades na sede da Secretaria, no Setor Leste Universitário. Entre elas estão palestras e debates com profissionais da área de saúde mental e apresentações artísticas e culturais.

Setembro Amarelo

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostram que o suicídio é a segunda causa de morte entre jovens na faixa etária de 15 a 29 anos, sendo que mais dos 90% dos casos estão associados a distúrbios mentais e podem ser evitados se as causas forem tratadas corretamente.

Segundo a OMS, no Brasil, atualmente 32 pessoas tiram a própria vida a cada dia. Isso significa um suicídio a cada 45 minutos. “É por isso que as ações preventivas são fundamentais no sentido de orientar as pessoas a buscarem ajuda especializada”, reforça a secretária Fátima Gavioli.

A campanha Setembro Amarelo surgiu em 2015 em Brasília e foi uma iniciativa do Centro de Valorização da Vida (CVV) com o apoio do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). O mês de setembro foi escolhido por já existir uma iniciativa anterior, que é o Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio, lembrado mundialmente todo dia 10 deste mês.