Tags:, , , ,

Prêmio reconhece práticas inovadoras de professores brasileiros

educacao
9 de agosto de 2019

As propostas submetidas receberão parecer pedagógico de especialistas em educação e vão concorrer a prêmios em dinheiro e viagens internacionais

Com o objetivo de reconhecer práticas inovadoras de professores de todo o país, a rede Base2Edu, em parceria com a Bett Educar, lançam o Prêmio Professor Transformador. Profissionais das redes pública e privada podem submeter suas práticas pedagógicas inovadoras para concorrer a viagens a congresso educacional em Londres e prêmios de até R$7 mil para os melhores de cada categoria. O prazo final para as inscrições é 22 de novembro de 2019. A professora Laryssa Galantini, da Secretaria de Estado da Educação de Goiás (Seduc) é uma das embaixadoras do prêmio.

O prêmio surge com a proposta de reconhecer, valorizar e divulgar boas práticas desenvolvidas por professores que estão transformando as salas de aula em ambientes criativos. Um dos diferenciais da premiação é que todos os projetos submetidos receberão parecer pedagógico da equipe de pedagogos da rede Base2Edu. 

“Esperamos que o compartilhamento de ricas práticas educacionais e o aprendizado em rede ajude a catalisar uma transformação grande e sustentável na educação brasileira”, destaca a Claudia Valério, diretora de conteúdo da Bett Educar. 

Podem concorrer ao prêmio, professores transformadores de todo o país, atuantes em escolas públicas e privadas nas seguintes categorias: educação infantil, ensino fundamental 1, ensino fundamental 2 e ensino médio. Todos os projetos submetidos receberão parecer pedagógico por um time de especialistas de educação, curadores e embaixadores do prêmio. 

Entre os critérios de pontuação para concorrer estão a submissão dos projetos nos períodos de inscrição divulgados pela organização do prêmio. As iniciativas também devem estar alinhadas à Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e que reconheçam a diversidade contribuindo para atingir as metas do Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). 

Os 350 projetos mais bem pontuados vão receber o certificado e o selo ‘Professor Transformador 2020’, além de integrar uma vitrine e comunidade exclusiva para conexão com outros educadores. Os segundo e terceiros melhores pontuados em cada categoria vão receber, além de troféu, prêmio de R$2.5 mil e vão apresentar a iniciativa na edição 2020 da Bett Educar, em São Paulo. Já os professores autores dos projetos pontuados em primeiro lugar, em cada categoria, vão ganhar também uma viagem internacional para Londres com participação na Bett Educar em 2021, além de R$ 7 mil. 

Segundo Prof. Alexandre Merofa, co-fundador da rede Base2Edu, que reúne educadores transformadores, o Prêmio Professor Transformador reconhece, inspira e conecta profissionais de todo país, contribuindo para a inovação da educação e o desenvolvimento de uma sociedade mais participativa e criativa. “É importante que, desde cedo, todos tenham oportunidades de criar, de se expressar e de testar suas ideias. Acreditamos que a escola é um espaço ideal para estes exercícios, e o professor o mais completo facilitador destes experimentos”, afirma. 

Para Merofa, o papel do professor hoje em dia mudou bastante, deixando de ser apenas disseminador para facilitador do conhecimento. “Não podemos aceitar que alunos passem o dia imersos em conceitos puramente abstratos, ou seja, a escuta passiva do professor em sala de aula. O mundo já não funciona assim! Fora das escolas, o universo pulsa e reclama de nós educadores, alunos críticos, criativos e prontos para um mundo imperfeito e complexo”, acrescentou. 

Embaixadores e curadores de peso 

O Prêmio Professor Transformador conta com um Conselho de Curadores de Conteúdo formado por especialistas em educação atuantes em empresas, universidades e órgãos públicos. Entre eles, Valesca Toledo, Subsecretária de Educação do Estado de São Paulo, e Dr. Marcos Garcia Neira, diretor da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). 

Além dos curadores, o prêmio conta com o crivo inspirador de ‘Embaixadores’ como Jayse Ferreira, de Pernambuco, reconhecido como um dos melhores professores do mundo segundo o Top 50, da Teacher Prize 2019, Lília Melo, do Pará, escolhida como a melhor professora do Brasil na categoria Ensino Médio, pelo Ministério da Educação (MEC) e Laryssa Galantini, da Seduc. 

Regulamento completo: https://base2edu.com/regulamento-do-premio-professor-transformador-bett-2020/ 

Inscrições e mais informações: https://base2edu.com/premiobett/