Fale Conosco

62 32014050

Tags:

Parceria entre secretarias de Educação e Agricultura busca maior qualidade na merenda escolar

educacao
27 de junho de 2019

Tendo em vista a importância em ofertar uma alimentação de qualidade às crianças e jovens da rede estadual de ensino, a Secretaria de Educação do Estado (Seduc) está viabilizando uma parceria com a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). O projeto prevê agregar valor ao pequeno produtor e distribuir alimentos de maior qualidade na merenda por meio da agricultura familiar.

Para tornar esse plano uma realidade a secretária de Educação, Fátima Gavioli conta que existe ainda hoje uma barreira que trarão uma solução. “Tem uma lei federal que determina que os diretores devem consumir 30%da merenda oriundas da agricultura familiar, algo que não acontece na prática hoje. Isso porque fica dispendioso para os agricultores entregarem os alimentos nas várias escolas de Goiânia”, explica.

Em vista disso, a secretaria se prontificou a ficar responsável pela criação de um centro de distribuição. “Assim conseguimos adquirir esses produtos de qualidade diretamente com os produtores e distribuir nas unidades escolares”, destaca. Segundo ela, todo só tem a ganhar. “O pequeno agricultor vende, gera renda para sua família e maior qualidade de vida, por sua vez, chegará aos estudantes uma merenda com mais qualidade”, garante.

Fátima Gavioli destaca que essa é uma determinação do governador, para o fortalecimento da merenda escolar, e segundo ela, isso só é possível com uma parceria de instituições que lidam com o pequeno produtor. Pensando nisso, a Seapa se disponibilizou para unir forças.

Agro

Para Donalvam Moreira da Costa Maia, Superintendente de Política Agrícola, Agronegócios e Irrigação, da Seapa o projeto irá agregar valor e ajudar a todos. “Nossa visão é que o agro é de todos e é muito importante essa junção porque resolvemos dois problemas”, aponta. Segundo Donalvam, são eles, em relação a qualificação dos produtores e agregar valor ao trabalho desses profissionais, além disso, traz uma forma mais educativa na alimentação dos estudantes.

Para firmar a parceria estão sendo realizadas reuniões entre as secretarias, no qual o segundo encontro será realizado na próxima sex-feira (28/06). Segundo a professora Fátima Gavioli, ainda estão previstas mais duas reuniões para fortalecer essa conversa.

O Superintendente de Política Agrícola, Agronegócios e Irrigação, garante que já estão sendo alinhados todos os pontos levantados na primeira reunião, para que na próxima apresentem um sistema mais estruturado. Segundo ele, a mudança de logística trará os produtores para o lado da secretaria de Agricultura e a partir do acerto de todos detalhes, planejam implementar a ação o mais rápido possível.