Tags:, ,

Goiás faz levantamento sobre realidade das escolas em tempo integral e traça medidas para o ensino avançar

educacao
8 de julho de 2019

Para fazer uma radiografia dessas escolas no Estado, a Superintendência de Educação Integral da Secretaria Estadual da Educação (Seduc) promoveu uma reunião com os diretores destas unidades escolares. Durante esse encontro, os gestores traçaram um perfil de suas instituições de ensino com dados que vão desde a infraestrutura até o administrativo, que reflete na área pedagógica.


Integrantes da Superintendência de Educação Integral, da Superintendência de Infraestrutura e do Instituto Sonho Grande acompanharam a apresentação e estão analisando alternativas para melhorar a qualidade do ensino. O objetivo final é elaborar um projeto que contenha ações a curto, médio e longo prazos para que as unidades sejam cada vez mais um lugar de convivência e de aprendizado.


Segundo a superintendente de Educação Integral, Márcia Antunes, essa radiografia é importante para que se possa conhecer bem a realidade de todas as escolas. “Tem unidade educacional que não precisa construir mais nada; é preciso apenas readequar os espaços. Esse estudo está sendo feito com a equipe de infraestrutura e o restante da equipe da Superintendência de Educação Integral faz o atendimento do diretor e analisa todas as demandas que ele tem”, explica.


Plano de trabalho


Durante o mês de julho, a expectativa é de que sejam ouvidos todos os diretores que estão agendando as reuniões, mesmo no período de férias. Goiás tem 66 escolas em tempo integral de Ensino Médio e 84 de Ensino Fundamental. A superintendente ressalta que esse panorama resultará em um plano de trabalho que visa orientar o ensino em tempo integral no Estado.


A parceria com o Instituto Sonho Grande vai atender 59 escolas de Ensino Médio de tempo integral vinculadas ao programa de fomento do Governo Federal. Além disso, há também o desenvolvimento de um trabalho que vai criar condições para futuras implantações de unidades do mesmo modelo, com criação de estrutura dentro da própria secretaria.