Fale Conosco

62 3220-9500

Tags:, , , ,

Durante Seduc Itinerante, Fátima Gavioli se reúne com gestores e destaca investimentos de R$ 3,1 milhões na Regional de Silvânia

educacao
17 de setembro de 2021

Encontro foi realizado nesta sexta-feira no Colégio Estadual José Paschoal da Silva, onde o Governo de Goiás investiu R$ 1,5 milhão para concluir a obra. Construção estava paralisada há mais de seis anos  

A secretária Fátima Gavioli participou nesta sexta-feira (17/09), em Silvânia, de mais uma edição do projeto ‘Seduc Itinerante’. O encontro foi realizado no Colégio Estadual José Paschoal da Silva e reuniu gestores de 11 unidades escolares estaduais dos municípios de Silvânia, Vianópolis, Leopoldo de Bulhões, Gameleira de Goiás e São Miguel do Passa Quatro, além da equipe da Coordenação Regional de Educação (CRE) de Silvânia.  

Durante a reunião, a secretária prestou contas dos recursos que já foram destinados às escolas e colégios da Regional de 2019 até agora e afirmou que hoje a Secretaria de Educação do Estado (Seduc) dispõe de muito mais dinheiro do que há 20 anos, resultado de uma série de mudanças que resultaram em grande economicidade.

“E vocês sabem o que foi feito com esse dinheiro? Fizemos reformas e ampliações de escolas, construção e cobertura de quadras esportivas, implantação de laboratórios de Ciências e Informática, distribuição de uniformes, tênis, kits de material escolar, mochilas e agora os chromebooks para os alunos do Ensino Médio”, frisou.  

Fátima Gavioli afirmou que, somente na Regional de Silvânia, o Governo de Goiás já investiu mais de R$ 3,1 milhões. Ela aproveitou o momento também para elogiar o trabalho que vem sendo feito pela Coordenação Regional de Educação, comandada hoje pela professora Silvana Nascimento da Silva. “É um trabalho fantástico e responsável, com a parte pedagógica sendo muito bem cuidada. São zelosos também em relação ao direcionamento dos recursos e a prestação de contas”, comentou.

Destaque no Ideb

Em primeira mão, a secretária deu uma boa notícia aos gestores escolares presentes. Segundo ela, existe uma expectativa muito grande de que as escolas e colégios estaduais da Regional de Silvânia sejam destaque no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) em 2021.  

Depois de frisar que esse resultado é fruto do engajamento, da seriedade e do comprometimento dos professores e servidores, Fátima Gavioli afirmou que a CRE de Silvânia faz parte do circuito das cinco melhores notas na avaliação nacional.

Na reunião, a secretária orientou os gestores escolares sobre como é possível utilizar os recursos do programa Equipar de forma mais democrática, ouvindo todos os servidores e contando com a participação deles na definição do que deve ser prioridade nas aquisições.

Ela também pediu maior comprometimento com o programa de economia de água e energia elétrica do Governo de Goiás. “Essa é uma questão muito séria, pois já estamos lidando com falta de água em muitos municípios. E, muitas vezes, medidas simples como desligar o ar-condicionado quando o professor sair da sala, substituir as lâmpadas e torneiras por modelos mais econômicos, entre outras ações, fazem uma grande diferença”, comentou.

Recado aos estudantes

Durante visita a uma sala de aula do 3º ano do Ensino Médio, Fátima Gavioli conversou com os estudantes e lembrou que faltam apenas dois meses para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Ela pediu o empenho dos alunos para concluir bem o ano letivo e ressaltou todas as melhorias e benefícios que o governador Ronaldo Caiado tem levado à comunidade educacional.

“O Governo de Goiás tem realizado ações inéditas e ousadas para dar a vocês todas as oportunidades de acesso a um ensino de qualidade. Temos um governo que está realmente preocupado com a juventude. Que quer o melhor para vocês. Que está investindo muito nas escolas, promovendo reformas e ampliações. E que não esqueceu também da motivação dos professores e servidores, que tiveram reajuste de salários recente”.

Fátima Gavioli falou ainda sobre a implantação do colégio agroecológico em Bela Vista de Goiás, lembrando que a grande maioria dos alunos do C. E. José Paschoal da Silva é formada por jovens da zona rural. “Será um projeto modelo onde vocês encontrarão formação técnica especializada de excelência e onde aprenderão diferentes formas de gerir uma propriedade rural com o que há de mais moderno em tecnologia”.

Seduc itinerante

Ednéia Santos, diretora do colégio, considera que o projeto Seduc Itinerante é uma oportunidade maravilhosa dos gestores educacionais conversarem, trocarem ideias e sugestões com a secretária de Educação. Segundo ela, a iniciativa abre a perspectiva de “discutir, ouvir e alinhar as ações das escolas e colégios da Regional.

A gestora destaca também o volume de recursos que o Governo de Goiás já destinou à sua instituição de ensino. “As obras desse colégio ficaram por mais de seis anos paralisadas e para finalizá-las, o governador destinou R$1,5 milhão. É um prédio padrão Século XXI que nos oferta o que há de melhor. E fora os recursos para conclusão da obra, recebemos também 1,2 milhão”, completa ela.  

Gestora do Colégio Estadual Armindo Gomes, de Vianópolis, a professora Marilúcia das Graças B. Nascimento avaliou de forma muito positiva o encontro com a secretária de Educação. “Fiquei muito feliz em poder estar aqui hoje. Ouvir a secretária me trouxe tranquilidade e confiança. Foi muito agradável ter esse acesso a ela. É muito bacana essa proximidade e ouvir as orientações e sugestões de forma tão clara e respeitosa”.

Parceria

O prefeito da cidade, Geraldo Luiz Santana, mais conhecido como Dr. Geraldo, fez questão de ir até o colégio participar do encontro da secretária Fátima Gavioli com os gestores escolares da Regional. Ele elogiou a iniciativa e aproveitou a oportunidade para agradecer o Governo de Goiás pelo apoio e parceria e também pelos investimentos constantes feitos nas escolas estaduais no município.

O prefeito citou, em especial, a conclusão das obras do C. E. José Paschoal da Silva, um antigo anseio da população da cidade. O colégio ficou por quase oito anos com suas obras paralisadas e atendia os alunos em outro local, de forma improvisada e precária. A construção foi retomada pela atual gestão em outubro de 2020 e finalizada em maio deste ano, quando foi inaugurada. Hoje, a instituição de ensino funciona em um prédio padrão Século XXI, com excelente estrutura física e pedagógica.

Plano Estadual de Educação
Essa ação atende a meta 21 do Plano Estadual de Educação (PEE)